Clicando o Fotógrafo: Luciano Shimomoto

O mês de dezembro foi um pouco corrido, tive que ficar em Assis até a metade do mês por dois motivos e pegava um tempinho que me sobrava para postar as fotografias. Fui querer resolver quem seria o fotógrafo da vez no “Clicando o Fotógrafo” na semana do natal, quem é que conseguiria fazer alguma coisa nessa semana. Praticamente esse tópico já está pronto desde quarta, mas como eu havia decidido só irei postar de domingo. E nesse mês de janeiro teremos dois post do projeto. Espero que todos gostem pois o Luciano e o próximo que não irei revelar por enquanto são muitos bons, ambos bem distintos na minha opinião.

Segundo dia do ano e mais um post do projeto, Luciano Shimomoto é um fotógrafo das antigas, já fotografou com uma DSLR mas prefere e fotografa com uma Analógica. Gostei muito das suas fotografias, achei ele no Flickr por acaso e depois que reparei nas descrições de cada fotografia, vi que eram com Câmeras Analógicas. Estou vendo que o Flickr é usado por mim para dar uma de olheiro, já que Blogs de fotografia são bem raros aqui no Brasil. Quando entrei no mundo da fotografia, cogitei começar com uma Analógica, uma Praktica MTL3, mas desisti da ideia por causa que a Câmera estava um pouco avariada, a procura de filme e revelação seria algo díficil também, mesmo eu morando em São Paulo, mas Luciano preferia seguir o contra fluxo. Espero que vocês gostem das fotografias dele!

Você pode seguir ele no Flickr

Senhor dos Mundos

Canon EOS 3000N, Canon EF 50mm f/1.8, 50mm, Filme Fujicolor ISO400 rebobinado invertido para a técnica de Redscale e fotometrado como ISO 25

Me chamo Luciano Shimomoto, tenho 31 anos, nascido no dia 18 de julho de 1979, comecei a fotografar ainda criança, lembro de quando ganhei de minha mãe uma Câmera Rangefinder, dessas compactas da marca Yashica. Foi desde essa época que me interessei por Fotografia  Analógica, lembro que quando criança sempre queimava alguns filmes.
Lembro que nessa época, sempre olhava nas vitrines de lojas de fotografia e sempre namorava uma Zenit, mas não lembro o modelo, deveria ser uma 12XP. Na adolescência me desinteressei pela fotografia, queria ser músico, como muitos da minha época, ai surgiu o boom das digitais, logo comprei uma compacta, achei até legal. Aos 24 anos fui trabahar no Japão, lá fiquei louco pela fotografia. Logo comprei uma Rebelzinha XT, comprei algumas lentes e voltei a praticar e estudar profundamente a fotografia, quando retornei ao Brasil, não pensei 2 vezes, comprei logo uma Nikon FM10, toda mecânica, logo depois comprei uma EOS 3000N para eu usar com minhas lentes da digital e fui a cada dia abandonando a digital. Comprei recentemente um scanner fotografico , Scanjet HP 4050 e sigo fotografando.
O que me atrai no analógico, é a sua personalidade, os grãos me atraem, diferente do digital, o analógico deixa a imagem mais aveludada, como no audio analógico, o prazer de escutar um vinil é como ver uma fotografia totalmente analógica.
Nada contra o digital, acho muito legal pra quem trabalha profissionalmente, o digital é lindo em fotografias still e de modas, pretendo fazer um upgrade na minha câmera digital, mas antes quero comprar uma Ragefinder de filme, a clássica Canonet.

Meus equipamentos:

Câmeras: Canon EOS Rebel XT, Canon EOS 3000N, Nikon FM10

Lentes: Canon EF 50mm f/1.8, Canon EF 75-300mm f/4-5.6, Tamron 28-75mm f/2.8, Sigma 10-20mm f/3.5-4

Scanner: Scanjet 4050

Beija-Flor

Canon EOS 3000N, Canon EF 75-300mm f/4-5.6, Filme Kodakcolor ISO 400

Crianças Pedalando

Canon EOS 3000N, Tamron 28-75mm f/2.8, Filme Fuji Superia ISO 400

Rolê de Bike

Nikon FM10, Nikkor 35-55mm, Filme Kodak Proimage ISO 200

Bigodão

Nikon FM10, Nikkor 35-55mm, Filme Fuji Superia ISO 400

Skiing

Canon EOS 3000N, Tamron 28-75mm f/2.8, Filme Kodak Proimage ISO 200

Anúncios

2 Respostas to “Clicando o Fotógrafo: Luciano Shimomoto”

  1. Adorei as fotos e acho super legal a ideia do projeto! Mesmo! Gostei principalmente do beija-flor e das crianças pedalando, são apaixonantes!
    Agora o que realmente me chamou mais atençao no post inteiro foi esse trecho da descrição
    “o prazer de escutar um vinil é como ver uma fotografia totalmente analógica”
    Brilhante! sou adepta das digitais e acho que tenho que apanhar mais ainda com elas pra poder chegar numa analógica e fazer bem feito, mas realmente a frase tem completo sentido e eu concordo e assino em baixo!

    Parabens pelo projeto Bruno
    e Parabens pelas fotos Luciano!

  2. Luciene Lage Says:

    Amei as fotos!!! Lindo trabalho!! Parabéns.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: